Os espelhos sempre foram queridinhos na decoração, principalmente em ambientes que se deseja transmitir a sensação de amplitude e elegância, mas assim como em qualquer outro detalhe decorativo, é preciso muito cuidado com a maneira em que os espelhos serão colocados assim como os seus tamanhos e formatos, já que um pequeno detalhe errado pode criar um efeito totalmente contrário ao desejado.

A Parede de Espelho

Com as diversas mudanças ocorridas na construção e decoração dos ambientes, muitas casas e apartamentos tiveram os seus espaços reduzidos de maneira que muitos ambientes são integrados, buscando uma maior comodidade e facilidade para as donas de casa, mas com toda essa melhora há também as grandes dificuldades em decorar os ambientes da maneira desejada sem que ele fique amontoado e desorganizado.

E nesse exato momento entra as grandes vantagens da utilização dos espelhos já que, como dito, eles possuem a capacidade de dar aos ambientes um toque de amplitude e elegância, não necessitando de muitos investimentos decorativos.

Para esse resultado ser alcançado muitas pessoas estão apostando nas paredes de espelhos que consiste em uma das paredes principais ser coberta pelo objeto de maneira que transmita a amplitude desejada.

Os Espelhos Clássicos

Para quem deseja manter os espelhos clássicos na decoração, mas também espera o efeito de amplitude no cômodo, uma das melhores dicas é o formato e moldura utilizado nos espelhos.

Por exemplo, opte por espelhos maiores ou vários dispostos de maneira criativa e harmoniosa, mas sem uma moldura mais trabalhada e chamativa, deixando a total atenção para os espelhos. Já para um efeito totalmente decorativo, aposte em espelhos com formatos e molduras modernas e atrativas.